As tendências, as escolhas, as melhores decisões e o know how dos profissionais de renome do setor ganham aqui o seu espaço.
Tudo o que necessita para estar a par do que acontece no setor do Turismo, Hotelaria e Restauração encontrará nesta nova rúbrica.
Porque a partilha é a alma do negócio, todos os meses auscultamos os decision maker e os players que fazem realmente “acontecer”!
Inovação, Dinamismo e Irreverência fazem parte da Evolução!

Não é novidade dizer que a inovação é um conceito desafiante, e que muitas empresas procuram integrá-la nas suas rotinas de gestão, liderança, monitorização e desenvolvimento. Inovar exige mudanças, e as mudanças exigem tempo e coordenação de equipas, testes, previsões e, claro, a disposição de correr riscos.E aqui entra o paradoxo entre querer arriscar sem correr riscos. Ambíguo, não é?

Catarina Alves Ribeiro

Na indústria hoteleira, a diversidade de talentos provenientes de diferentes faixas etárias é uma fonte valiosa de experiência, conhecimento e perspectivas. Todos os colaboradores trazem contribuições únicas que enriquecem o ambiente de trabalho e impulsionam o sucesso da organização.

Patrícia Soares da Costa

“Não havendo critério específico para a escolha do tema, e tendo em conta a tendência atual de uma diminuição do tempo de atenção disponível para qualquer tema, decidi escrever 3 mini temas. Espero que algum deles consiga captar uns segundos da vossa atenção.”

Lourenço Ribeiro

A indústria hoteleira e do turismo é uma indústria de pessoas para pessoas. Este "chavão", muitas vezes repetido, define muito bem o dia a dia das empresas e para que estas tenham um sucesso sustentável ao longo do tempo, estas "pessoas" deveriam retirar destas interações o maior valor acrescentado possível.

Duarte Gonçalves da Cunha

Numa jornada de 32 anos que me levou a diretor geral de um hotel, tanto local como internacionalmente, reflito sobre como a dinâmica interligada do profissionalismo e da informalidade se tornou uma faceta crucial no atual cenário de recursos humanos.

Henrique Tiago De Castro

Temos que admitir que o mundo hoteleiro é complexo, absorvente e muito acelerado. Discute-se acerrimamente quais as melhores soluções e complexas ferramentas que permitirão conseguir uma melhoria residual nas receitas - aquilo que por vezes chamamos de “fairy dust”.

João Trindade

Hoje em dia o bem receber passou a ser uma arte que não é para todos, talvez porque assim não se queira, porque não se tem tempo para formar ou porque simplesmente o gosto em bem receber desapareceu.

Luís Filipe Garcia

No mundo das empresas e das marcas, é comum assistirmos a avultados investimentos numa ampla gama de tecnologias e plataformas

Joana Garoupa

A hotelaria de luxo é especial por oferecer uma experiência excecional aos seus hóspedes, focando-se não apenas no alojamento e serviços, mas também na criação de memórias e sensações únicas.

Alexandra Henriques

Portugal é, neste momento, um dos destinos mundiais mais procurados pelos Nómadas Digitais e Trabalhadores Remotos, e o sector hoteleiro tem aqui uma oportunidade incrível de aumentar a taxa de ocupação anual, atraindo este “novo turista” para os seus hotéis. Neste artigo, vamos explorar algumas estratégias que os hotéis podem começar já a implementar para atrair e atender às necessidades dos Nómadas Digitais, impulsionando assim a taxa de ocupação anual.

Joana Glória

AVALIAÇÕES NEGATIVAS ONLINE?! NADA A TEMER… embora (infelizmente!) a maior parte dos hoteleiros ainda as receie e muito!!!

Luis Santos

Quando este convite surgiu o meu primeiro pensamento foi: "há tanto para se escrever, que tema vou escolher?" e lembrei-me de uma época da minha vida hoteleira em que saíamos dos nossos turnos, cansados, exaustos, desmotivados, outras vezes contentes, injustiçados e ali na mesa de um café perto do hotel tínhamos as soluções para tudo, resolvíamos todos os problemas, refletíamos sobre a operação do dia e aquilo que teríamos feito de forma diferente. Discutíamos horários, tarefas, decisões e comportamentos, e tudo nos parecia tão fácil de solucionar.

Ana Galo

A indústria da restauração está em constante evolução e é importante acompanhar as tendências emergentes, de forma a mantermo-nos relevantes e atrair públicos cada vez mais exigente.

Ricardo Pina Noronha

Se lhe perguntassem o nome de um motor de busca de hotéis, qual seria? E se fosse uma marca de hotéis? A maioria das pessoas dirá certamente Booking.com como resposta à primeira pergunta e, muito possivelmente, Marriott à segunda.

Joana Robalo

34 anos se passaram desde que embarquei nesta aventura da hotelaria!Entrei com o sonho de receber bem, de fazer parte duma elite de profissionais que se dedicam ao bem-estar dos seus clientes.

Isabel Ferraz

Tudo leva a crer que 2023 vai ser o ano das grandes aquisições hoteleiras a nível internacional.

Alexandre Maia de Carvalho

Uma das questões atuais e de maior pressão que tem gerado junto das empresas do turismo é a falta de recursos humanos, identificado ainda antes da pandemia, mas que a situação se agudizou nos últimos tempos.

António Silva

Nos últimos anos temos assistido a uma reformulação no serviço de vinhos. Provavelmente por melhores conhecimentos de todos, quem serve e quem prova. As informações chegam mais rápido e todos querem entender um pouco mais de vinhos.

Rodolfo Tristão

Quando o Ricardo me pediu que escrevesse este texto, confesso que não sabia bem que tema abordar. Mas sendo a hotelaria uma indústria de pessoas para pessoas, o tema não poderia ser outro que não as pessoas.

Tiago Castro

Recebo este amável convite por parte da REDE T, dias depois de ter sido servida por um Robô, num restaurante em Lisboa.

Vera Pereira

“Para teres um destino turístico não basta colocares uma rede entre dois coqueiros!”

Manuel Ara Oliveira

A experiência do cliente na indústria hoteleira, é a satisfação geral que as pessoas obtêm ao interagirem com um hotel, restaurante ou outro negócio relacionado.

André Correia

Conheci o Algarve como a maioria dos portugueses que não nasceu nesta região. Era o destino tradicional da família nas férias de verão, um lugar com o qual sonhávamos ao longo do ano, suspirando pelos dias de praia sem fim.

Hugo Nascimento

Como em qualquer processo em qualquer indústria, quando a matéria-prima não tem qualidade, o produto ou solução final não pode ter qualidade.

Luís Brites

Na Hotelaria contemporânea é imperiosa a estratégia de quantificar eficientemente um orçamento em tecnologia.

João Pronto

Autenticidade é possivelmente a tendência mais falada no Mundo das Viagens e em simultâneo o tema mais difícil de definir pelos marketeers hoteleiros.

Francisco Sant’Anna

Faz um ano que a Startup Madeira iniciou um projeto piloto Digital Nomads Madeira Islands para atrair nómadas digitais para o nosso arquipélago.

Carlos Soares Lopes

Desde o início da industrialização do setor alimentar, consequência da produção massiva de alimentos motivada pelo aumento exponencial da população mundial, surgiu a necessidade de garantir a segurança alimentar, salvaguardando, assim, a saúde pública

Fernando Santos

A minha paixão profissional é a hotelaria e a hospitalidade. Portanto quando fui convidada para este desafio, não poderia deixar de escrever sobre hotéis, aos quais adicionei as redes. E se refletirmos sobre a complexidade das redes hoteleiras, teríamos matéria para escrever um livro, ou vários. Mas hoje pretendo apenas sensibilizar os leitores acerca da importância das redes no Turismo. Afinal, além dos sonhos, também as redes comandam as nossas vidas

Sofia Almeida

Porque acredito que a formação melhora a vida das pessoas e o valor do setor da hospitalidade?

Marta Sotto Mayor

O ecossistema da hospitality ou da ”gestão hoteleira” representa o conjunto das atividades em que, pela prestação de um serviço, se acomoda um cliente em determinado estabelecimento.O ecossistema da hospitality ou da ”gestão hoteleira” representa o conjunto das atividades em que, pela prestação de um serviço, se acomoda um cliente em determinado estabelecimento.

Vera Sequeira

Quando começamos a conhecer melhor e de mais perto este mundo dos vinhos, ele pode acabar por nos apaixonar e levar-nos a querer conhecer mais, experimentar mais e, no fundo, a envolvermo-nos nele de uma forma única. É esse o grande desafio dos vinhos.

Pedro Pinto

No meio de todos os obstáculos e angústias dos últimos meses, tem sido muito curioso assistir à capacidade da indústria hoteleira em inovar, surpreender e encantar os hóspedes com novos serviços, standards e conceitos. A Inovação despertou finalmente para TODOS, como se fosse a última vaga!

Mário Custódio

Vou tentar falar de “upbringing” com valores, conhecimentos, experiência, formação, direitos e deveres.

Maria Gama

É com muito gosto que partilho com os membros da Rede-T uma reflexão sobre a evolução na Hotelaria.

Patrícia Correia

O mercado do turismo de casamentos, onde se incluem os destination weddings, é um mercado que se encontra em contínuo crescimento.

Ricardo Barreto

O nosso país encontra-se em plena mutação, acelerada por vários fatores externos que despertam novos sentidos e vontades nos consumidores

Miguel Maugi Santos

É facto provado que todos conseguimos valorizar muito mais algo de que gostamos quando deixamos de o ter acessível.

Susana Querido de Figueiredo

Faz pouco mais de um ano e eu estava a trabalhar em Xangai quando, de um dia para o outro, literalmente, fomos de casa cheia para casa vazia...

Gil Santos

Não vamos ficar todos bem.Aos leitores mais sensíveis e com tendência a depressões não se recomenda a leitura deste artigo.

Henrique Henriques

É com muito gosto que partilho algumas linhas sobre marketing hoteleiro com o público da Rede-T. Faço-o numa conjuntura totalmente excecional. Quando escrevo este texto, somamos já dez meses de pandemia (em Portugal). Um tempo diferente, que nos afeta a todos, homens e mulheres de todo o mundo, limitando profundamente a liberdade de movimentos e a liberdade de afetos e que atingiu em cheio, de forma histórica e implacável, todo o sector do turismo. E mesmo com a luz ao fundo do túnel dos efeitos positivos da vacina, reina ainda, e muito, a incerteza e a constante mudança de direção no caminho que tentamos trilhar.

Fabíola Pereira

A boa gestão de compras é um dos requisitos mais importantes para a sobrevivência dos hotéis em tempos de crise. Pois se as receitas se encontram limitadas pela quebra na procura, há que encontrar formas de reduzir custos de forma o mais proporcional possível.

Miguel Paredes Alves

No início de março de 2020, o mundo foi surpreendido com a propagação de um vírus e a declaração de uma pandemia que levou a que a generalidade dos países e economias do mundo decretassem estados de emergência e confinamento, suspendendo grande parte das atividades económicas.

Gonçalo Rebelo de Almeida

Em tempos, numa formação sobre Estratégia em que participei, ouvi um número que tinha tanto de surpreendente quanto de assustador: - em média, as empresas na Europa sobrevivem menos do que 7 anos.

André Barreto

O impensável aconteceu… e o Turismo entrou em “modo de pausa”!

Atilio Forte

Este artigo é um convite a um momento de reflexão sobre o contexto em que vivemos e o que mudou no relacionamento entre as empresas e os seus colaboradores.

Rodrigo Mendes

Se é por um lado inegável a gravidade dos efeitos desta pandemia a vários níveis, os desafios de Capital Humano em hospitalidade já há muito que denunciam um profundo desajustamento com o mercado de trabalho.

João Silva Santos

Confesso-vos que sempre gostei muito dos jogos tradicionais de rua.

Ruben Obadia

Estranhos tempos estes, em que voltamos a ter tempo, em que o tempo que passava tão rápido, passou a pedir autorização para passar.

Raúl Ribeiro Ferreira

O paradigma do cozinheiro em Portugal é o de um homem branco, com uns 30 anos de idade. Esta afirmação encerra um conjunto de desafios sociais, sendo por isso preciso agir.

Paulo Amado

Quando o Ricardo Augusto me lançou o desafio de escrever um artigo, lembrei-me de uma questão, em modo de reflexão, que alguém de uma unidade hoteleira, que passava por dificuldades, me colocou há algum tempo:- Não consigo perceber e ninguém me consegue explicar, como é que as pessoas que aqui trabalham não se interessam em fazer melhor…

Rúben Paula

COMUNICAR,TODOS somos naturalmente seres criativos!No contexto atual, não devemos fazer o que, e como sempre fizemos, porque decerto já não iremos obter aquilo que obtivemos!

João Alberto Catalão

Os Instrumentos de Regulamentação Coletiva Trabalho em vigência na hotelaria nacional (e.g. CCT) plasmam de forma manifesta e notória uma moldura anacrónica de gestão de pessoal, em que o ente humano é remunerado para servir a sua hierarquia e não o cliente, imperando assim uma moldura anacrónica de gestão de pessoas alicerçada ainda na gestão de pessoal, e orientada para modelos de gestão 1:0.

Vítor M. B. Toricas

É com muita honra que respondo ao desafio de escrever o primeiro artigo no âmbito da nova rúbrica de opinião da plataforma Rede-T.Neste artigo proponho-me “dissertar” um pouco sobre a atualidade e as tendências da indústria da hospitalidade, que tanto nos fascina!

Francisco Moser